A Ferro e Fogo – Cortex Shounen

Olá,

Feliz Ano Novo, 2d8 leitores! Em dose dupla! Porque além da passagem do ano ocorrida entre a última postagem de 2017 e esta, a primeira postagem de 2018, esta semana é a semana do Ano Novo Chinês! Dia 16 começa o ano do Cão de Terra, o 4716º ano do Calendário Chinês. E como é tradição aqui na coluna do Lugar Nenhum, em comemoração à chegada do ano do cachorro, este capítulo possuirá uma temática oriental, trazendo pra vocês um hack do Sistema Cortex para animes Shounen: O Cortex Shounen. 😀

Aventura e Personagens para Naruto 3D&T Alpha

Olá pessoas!
Aqui é o Tio Lipe e bem-vindos novamente ao Santuário do Mestre. Antes tarde do que nunca, diga-se de passagem. No dia 15 de outubro de 2017 ocorreu aqui em Natal/RN o Anima Con, um evento para fãs de animes e com espaço para diversas outras atividades relacionadas ao tema. Uma delas foi a arena de jogos, onde o Mundos Colidem ficou responsável pela organização do RPG. Como um dos narradores participantes, escolhi levar uma aventura que já havia narrado algumas vezes. Contudo, diferentemente do sistema anterior que usei para ela, resolvi que estava na hora de reviver um velho companheiro de aventuras: o 3D&T Alpha. E a aventura escolhida foi ambientada em Naruto.

Um Grito na Noite – Aventura de Persona 4 para Cortex Plus

Olá,

No dia 15 de outubro de 2017 ocorreu o evento Anima Con aqui na cidade de Natal/RN, um evento para fãs de animes e mangás, com espaço também para outras áreas afins, como o k-pop, card game, jogos eletrônicos, boardgame e RPG. Nós, do Mundos Colidem, fomos chamados para auxiliar na organização da parte de RPG, em parceria com a Ludobox que estava organizando a parte de boardgames. Por ser um evento de anime, foi decidido que todas as aventuras-prontas mestradas no evento seriam na ambientação de algum anime, escolhendo-se sistemas adequados para um jogo naquele cenário. Assim, levamos seis mesas: Blame!, mestrado por Lima no sistema do Savage Worlds; Boku no Hero, mestrado por Robson no sistema Icons; Naruto, mestrado por Tio Lipe no sistema do 3D&T Alpha; One Piece, mestrado por Joka no sistema do Open Legends; Fullmetal Alchemist, mestrado por Necrolas no sistema do Savage Worlds; e Persona 4, mestrado por mim, Leish, no sistema do Cortex Plus. Ainda na linha da postagem anterior, eu trago no capítulo de hoje, uma análise sobre o sistema Cortex Plus que tenho utilizado em meus jogos shounen, a aventura-pronta e as fichas de personagens que foram utilizadas – cujos experimentos acabaram resultando no Cortex Shounen, que você pode conferir clicando aqui.

Naruto para Savage Worlds: Parte VII – Equipamentos

Olá pessoas!
Durante o mês de julho eu passei por uma abstinência de jogos devido alguns problemas, o que me deixou com uma vontade inexorável de jogar qualquer coisa. Isso acabou me levando a devorar o PDF do Shadow of the Demon Lord (mesmo ainda sendo a versão prévia; hoje a versão final saiu e só estou esperando o meu exemplar físico para jogar), RPG financiado com sucesso pela Pensamento Coletivo em 2016 e sobre o qual eu fiz uma resenha aqui. De fato, esta pausa em julho me forçou a engavetar alguns projetos que tenho em mente, uma vez que ainda preciso narrar um RPG de Ryuutama, mas sinceramente espero que este segundo semestre seja longo o suficiente para que eu possa pô-los em prática. Mas chega de papo e vamos a mais uma postagem da minha adaptação de Naruto para Savage Worlds. Só para relembrar, ao longo das postagens eu falei sobre a ambientação geral, criação das personagens, jutsus e suas regras especiais, e finalizei a postagem passada tratando dos principais clãs de Konoha e suas peculiaridades. Hoje, o assunto que abordarei é o que chamaria de passo final para concluir a adaptação. Estou falando dos equipamentos e itens únicos do cenário de Naruto.

Veja também: Parte I, Parte II, Parte III, Parte IV, Parte V, Parte VI.

Adaptação de Hajime no Ippo para Savage Worlds

Olá galerinha, depois de anos de anotações e uma conversa com um dos integrantes aqui do site (valeu Txio), resolvi tirar do papel e mostrar pra vocês a adaptação desse mangá de boxe que parecia ser só mais um sobre o assunto e se mantém até hoje sendo publicado no Japão, apresento a vocês Hajime no Ippo. Pesquisei muito pra fazer essa matéria no Wikia do anime e de boxe, em sites sobre o assunto como federação rio-grandenseaqui também e no site Project.

Naruto para Savage Worlds: Parte VI – Clãs de Konoha

Olá pessoas!
Sejam bem-vindos a mais uma postagem do Santuário do Mestre e da minha adaptação de Naruto para Savage Worlds. Preparados para muito conteúdo? Pois é caros leitores, esta é de longe a maior de todas as postagens desta adaptação (e creio eu que o maior texto que já escrevi para um blog). Mas antes, vamos àquele exercício costumeiro de relembrar tudo o que já foi postado? Na primeira parte resumi a ambientação de Naruto e falei sobre como criar uma personagem para o cenário usando o SW. Na segunda parte apresentei as regras gerais sobre os Jutsus e listei as Técnicas de Chakra, Taijutsus e Genjutsus. Na terceira parte foi a vez de apresentar os Ninjutsus básicos e gerais do cenário. A quarta parte tratou exclusivamente dos Ninjutsus Elementais e suas peculiaridades. Na quinta parte falei sobre Jutsus Médicos e proibidos, além de aprofundar o entendimento sobre o Chakra e os Jutsus em si. Hoje falarei sobre os clãs ninja de Konoha e suas características especiais, desde Vantagens e Complicações novas e exclusivas, até suas técnicas de combate e Jutsus únicos. Lembrando sempre que eu uso como referência as informações contidas no livro da 1ª edição brasileira do SW publicada pela Retropunk em 2013. Certo? Então vamos lá!

Veja também: Parte IParte IIParte IIIParte IV e Parte V.

Naruto para Savage Worlds: Parte V – Chakra e Jutsus Especiais

Olá pessoas!
Sejam bem-vindos a mais uma postagem da minha adaptação de Naruto para Savage Worlds (doravante SW). Como já tem um tempo desde a última parte publicada, e para não perder o costume, vamos revisar brevemente tudo o que já postei aqui desta adaptação. Na primeira parte, resumi a ambientação de Naruto e falei sobre como criar uma personagem para o cenário usando o SW. Na segunda parte, apresentei as regras gerais sobre os Jutsus e listei as Técnicas de Chakra, Taijutsus e Genjutsus. Na terceira parte, foi a vez de apresentar os Ninjutsus básicos e gerais do cenário. A quarta parte tratou exclusivamente dos Ninjutsus Elementais e suas peculiaridades. As partes anteriores abordaram tudo o que eu já havia publicado desta adaptação no passado lá no meu blog pessoal, o Papo de RPGista, tendo sido mais um trabalho de revisão de todas as regras e ampliação do material apresentado. Hoje, porém, trarei para vocês algo completamente novo e que ainda não havia adaptado. Estou falando de Jutsus proibidos e médicos, mas antes explicarei sobre peculiaridades associadas aos Jutsus e uso do Chakra no jogo. Só para deixar claro, eu uso como referência as informações contidas no livro da 1ª edição brasileira do SW publicada pela Retropunk em 2013 (as páginas não são entre as edições).

Veja também: Parte IParte IIParte IIIParte IV, Parte VI.

Gantz para Savage Worlds: Parte 1

Olá galera, pretendo apresentar em duas partes; a primeira com as regras especificas da adaptação e a parte importante da história do mangá/anime; e a segunda com a criação de personagens e seus equipamentos. O material da história e descrição das armas foram retirados da Wikia em português aqui e da Wikia em inglês aqui caso deseje se aprofundar mais. Tentarei ao máximo evitar dar spoilers a vocês, então vamos lá.

Naruto para Savage Worlds: Parte IV – Ninjutsus Elementais

Olá pessoas!
Hoje darei continuidade à minha adaptação de Naruto para Savage Worlds. Antes de entrarmos no assunto, porém, vamos relembrar o que já foi postado. Na primeira parte, eu apresentei a ambientação de Naruto e suas regras gerais, bem como a criação das personagens. Já na segunda parte, eu expliquei os Jutsus, listando as Técnicas de Chakra, Taijutsus e Genjutsus. Por fim, na terceira parte, eu introduzi os Ninjutsus e listei os Básicos e Gerais. Hoje, conforme prometido, trarei os Ninjutsus Elementais e suas particularidades.

Veja também: Parte IParte IIParte IIIParte V, Parte VI.

Naruto para Savage Worlds: Parte III – Ninjutsus

Olá, pessoas!
Bem-vindos a mais uma postagem do Santuário do Mestre, onde daremos continuidade à adaptação de Naruto para Savage Worlds. Antes de começarmos, porém, vamos relembrar um pouco o que já abordamos nesta adaptação. Na primeira parte, eu apresentei um resumo da ambientação e quais regras usar para uma campanha de Naruto, bem como os critérios a serem adotados para criar uma personagem no cenário, listando Perícias, Complicações e Vantagens que devem ser usadas e vetadas. Já na segunda parte, apresentei os primeiros Jutsus que as personagens podem adquirir, listando Técnicas de Chakra (técnicas especiais que não se encaixam nos três tipos de Jutsus e que não precisam de teste para serem usadas, apenas o gasto de Chakra), Taijutsus (técnicas marciais que complementam as Vantagens de Combate da personagem e permitem a criação de combos físicos; usam Agilidade), e Genjutsus (técnicas que visam a manipulação da mente de seus alvos na forma de ilusões, afetando seus sentidos e emoções; usam Astúcia). Caso não tenham notado, eu fiz uma atualização na última postagem, por isso confiram lá, certo? E hoje apresentarei os Ninjutsus de forma geral.

Veja também: Parte IParte IIParte IV, Parte V, Parte VI.