Cruzados: Jornada à Terra Santa

Olá, eu sou o Lima, Raphael Lima.

Essa semana na Caixa do Lima (outrora Nomos), esta coluna onde que vos falo quinzenalmente, gostaria de apresentar para vocês o Cruzados: Jornada à Terra Santa, o segundo minijogo de minha autoria, dessa vez com uma temática medieval e bastante influenciado pelo Medievo RPG. Segundo minijogo? Mas cadê o primeiro? O primeiro minijogo produzido, Sobreviventes: um jogo minimalista de sobrevivência pós-apocalíptica, aborda um mundo devastado por um apocalipse zumbi. Para ambos os jogos, vocês só precisam de alguns pedaços de papel, lápis, borracha, um punhado de dados de seis lados — os famosos d6 — e uma cópia dos folhetos dos jogos.

Cruzados é um minijogo sobre a Jornada à Terra Santa, onde os jogadores são membros de uma cruzada cristã.

Cruzados, introdução.

Por que fazer o Cruzados? Para responder a esta pergunta, primeiro eu preciso falar sobre a minha nova paixão, os minijogos. Os jogos minimalistas me abriram um leque de possibilidades na questão do trabalhar com o RPG na educação, sendo mais acessíveis aos alunos, tanto na apresentação como na compra. Na escola onde trabalho, um dos grandes problemas são a leitura e o letramento. Os minijogos, com as temáticas voltadas para o conteúdo de sala de aula, se mostraram um grande aliado nessa proposta de desenvolver a prática da leitura, letramento e interpretação dos discentes envolvidos nas atividades.

É nessa ideia que surge a necessidade de produção do Cruzados e de outros minijogos que estou produzindo — virão mais minijogos? Sim. Em uma postagem que em breve deve ser publicada — assim que a correria do ano letivo permitir — vou falar um pouco mais da escolha pelos minijogos em um trabalho pedagógico.

Uma segunda questão sobre o Cruzados, que os leitores que acompanham a Caixa do Lima com certeza notarão, é que o Cruzados é uma minimalização do Medievo RPG: Fantasia Medieval na Baixa Idade Média, mas com o foco em jornadas.

E seguindo a filosofia do Mundos Colidem, todo o material está em Creative Commons.

Cruzados: Jornada à Terra Santa está disponível para download no DriveThru RPG, na versão em inglês. E no Dungeonist na versão em Português.

 

4 Comentários

  1. E cada vez com mais e melhor qualidade nos jogos. Parabéns manolo! Não vejo a hora do próximo lançamento.

    • Raphael Limasays:

      Valeu Jokinha, muito obrigado pelo apoio e feedback de sempre nas produções. E vamos para Nova Amsterdã!

  2. Alansays:

    Acho isso muito maneiro, lembra muito RPGs solos, havia visto um de segurança do trabalho do SENAI-AP, realmente muito legal

    • Raphael Limasays:

      Olá Alan, os minijogos são realmente ótimos, tenho utilizado bastante desse recurso nas minhas aulas onde utilizo o RPG como ferramenta pedagógica, especialmente para trabalhar temas locais da história do estado do Rio Grande do Norte no período colonial.

Deixe uma resposta